Como evitar baratas na cozinha

As baratas são uma praga de alto risco nas nossas casas e, de modo especial, nas cozinhas. Evitar baratas na cozinha é muito importante quando nos deparamos com esse tipo de problema, por serem portadoras de várias doenças perigosas, incluindo salmonelas, disenteria, gastroenterite e febre tifóide. Temos a obrigação de as manter afastadas dos nossos espaços, dos alimentos e dos nossos entes queridos. O risco é particularmente elevado em casas onde habitem crianças, idosos ou outras pessoas com doenças debilitantes do sistema imunitário, sendo também possível que os excrementos das baratas causem eczema e asma.

Evitar baratas na cozinha

Evitar baratas na cozinha

Além dos riscos para a saúde, as baratas são uma das pragas mais desagradáveis que podem infestar a nossa casa. Não só pelo seu aspecto perturbador e repugnante, mas também pelo odor desagradável que exalam e deixam nos alimentos e nos objectos em que tocam.

Como as baratas conseguem reproduzir-se rapidamente e são muito resistentes, é essencial responder rapidamente ao primeiro sinal para impedir que qualquer infestação de baratas se estabeleça ou se propague inclusive a outras habitações.

Métodos para evitar baratas na cozinha

Barata Oriental

Barata Oriental

Barata Alemã

Barata Alemã

Sobre métodos para evitar baratas na cozinha, há que referir que as baratas deixaram de gostar de açúcar e, por isso, as velhas armadilhas contendo este produto como isco deixaram de as matar. Para nossa infelicidade, o órgão do sabor destes insectos adaptou-se às armadilhas humanas. Neste caso, o doce passou a saber-lhes a amargo e isso salva as vidas delas, segundo um estudo publicado recentemente na revista Science.
Existem três espécies que são habitualmente encontradas nas nossas casas: a Barata Alemã, a Barata Americana e a Barata Oriental. Comum a todas é a preferência por locais escuros, sossegados, com alguma humidade e, claro, onde existam alimentos.

Barata Americana

Barata Americana

Detectados os sinais da presença de baratas (presença de insectos vivos, invólucros de ovos e peles mudadas, excrementos, odor nauseabundo e danos – as baratas atacam todos os produtos orgânicos, incluindo peles e livros), há que pôr em prática estratégias para as manter afastadas.

Comecemos pela vedação de todos os pontos de entrada, sendo os pontos de maior risco os espaços debaixo das portas e à volta de tubagens que dêem para o exterior ou para habitações vizinhas. Também se deve vedar todos os espaços onde as baratas possam refugiar-se. São nocturnas e refugiam-se durante o dia em fendas e cavidades das paredes, atrás de rodapés ou até atrás de tomadas eléctricas.

Ciclo de vida das baratas

Ciclo de vida das baratas

Dicas para evitar baratas na cozinha

A forma mais eficaz de controlar as baratas é negar-lhes o acesso aos alimentos e à água. Guardar os produtos alimentares em recipientes fechados ou sacos de plástico seláveis é muito importante. Limpar imediatamente todos os vestígios de alimentos ou líquidos que deixar cair. Limpar debaixo do frigorífico, fogão, etc., para remover todos os vestígios de alimentos. Lavar imediatamente, ou arrumar na máquina de lavar louça, todas as louças e todos os talheres sujos.
À noite, guarde a comida e a água dos animais domésticos, bem com os tabuleiros das necessidades fisiológicas destes. Manter todo o lixo bem vedado em caixotes. Ter também cuidado com as fraldas sujas e a roupa suja. Não deixar líquidos na bancada de cozinha ou em baldes durante a noite. É caso para dizer que as baratas saem caro.